terça-feira, setembro 19, 2017
INICIO > CADERNO 1 > CIDADES > Após onda de violência em Trancoso, 8º BPM desloca Companhia Especial

Após onda de violência em Trancoso, 8º BPM desloca Companhia Especial



“Antes tarde do que nunca”, assim resumiu uma moradora de Trancoso, aliviada com a ação do 8º Batalhão de Policia Militar, deslocar um policiamento ostensivo para a comunidade. Na noite desta quinta-feira(23), já havia várias viaturas e policiais militares fazendo abordagem, o que trouxe mais segurança para a população.

Nos últimos dias, Trancoso vivenciou quatro assassinatos, uma tentativa que terminou com um jovem baleado, vários tiroteios e toque de recolher, segundo moradores e um grande clima de insegurança. Segundo a assessoria de imprensa do batalhão, em nota, a medida foi adotada após análise da chamada “mancha criminal”, a qual demonstrou um aumento no quantitativo de crimes letais e intencionais nos últimos dois meses. As ações serão desencadeadas por tempo indeterminado e visam, sobretudo, restaurar a sensação de segurança em toda área, incluindo distritos como Sapirara e Itaporanga.

“Nossas ações irão  restabelecer o clima de tranquilidade e capturar delinquentes, ao passo que  desestabilizamos eventuais grupos criminosos que por ventura estejam atuando nessas localidades. Elas serão baseadas em patrulhamento tático, abordando veículos, pessoas e imóveis. Passaremos uma malha fina nos bairros periféricos onde ocorreram os principais fatos dos últimos dias, sem com isso descuidar da proteção geral aos moradores locais e turistas”, disse o Major França, na nota.

DRONE E CÃES NO APOIO DA AÇÃO

A PM anunciou ainda que um VANT (veículo aéreo não tripulado). mais conhecido como DRONE será utilizado nas ações do 8°BPM em Trancoso.  Recentemente adquirido pelo Comando em Porto Seguro, o equipamento atuará pela primeira vez em conjunto com policiais militares de solo. Além disso, nas buscas e nas blitze serão utilizados cães farejadores de drogas e armas. Outras medidas suplementares de policiamento também foram adotadas, mas por questões estratégias não foram divulgadas no momento.