Em nota, Forma Turismo lamenta morte de adolescente e fala da estrutura de saúde montada na cidade

O falecimento de uma jovem em Porto Seguro, no último domingo(14), decorrente do vírus Influenza H3N2, abalou a cidade e pegou de surpresa a empresa Forma Turismo, que trouxe a jovem e outros milhares de estudante para férias na cidade.

A empresa enviou nota ao Namidia News, onde lamenta o falecimento da jovem e explica que não tem medido esforços para garantir a segurança e saúde dos seus passageiros. Segue nota na integra:

Em virtude da fatalidade envolvendo uma passageira de Jacareí/SP, que veio a falecer pelo vírus Influenza H3N2, em Porto Seguro/BA, a Forma Turismo reitera o seu profundo lamento e informa que tem cooperado com as autoridades locais e prestado todo suporte às famílias das duas passageiras colegas de quarto que também contrariam o vírus, uma teve alta ontem(18) e já voltou para casa e a outra, deve ter alta neste sábado (20).

A empresa aproveita para esclarecer algumas informações:

– A empresa mantém contato prévio e permanente com os órgãos de saúde de Porto Seguro, para onde embarca grupos há 22 anos, para que todos os viajantes – passageiros e colaboradores – possam seguir à risca as recomendações médicas.

– A empresa contrata, para cada temporada de viagem, cerca de 40 profissionais de saúde, entre médicos e enfermeiros, sendo a grande maioria de Porto Seguro, que ficam alocados dentro dos hotéis que operam exclusivamente para passageiros da empresa.

A estrutura médica conta ainda com ambulância UTI e convênio com clínicas e hospitais particulares da cidade.

– Esse investimento tem como finalidade não sobrecarregar o atendimento da população local nas unidades de saúde do município de Porto Seguro. Somente os casos necessários, cuja autoridade para decisão é do corpo médico, são transferidos para o hospital público.

Comente com Facebook