Mulher mata gata a pauladas após ser arranhada pelo animal

Uma gata foi morta a pauladas por uma mulher dentro de um mercado em Parque Mangueira, bairro de Paraty, no Rio de Janeiro, no último domingo (8). O caso foi registrado na 167ª Delegacia de Polícia. As informações são do blog Gatices, da jornalista Silvia Haidar, do jornal Folha de São Paulo.

Segundo a publicação, Nina vivia no local e havia sido adotada pelo dono do estabelecimento. A polícia informou que uma cliente teria sido arranhada pela gatinha depois de pisar no rabo dela. A mulher foi socorrida por pessoas que estavam no mercado e foi embora, mas depois voltou com um pedaço de madeira e bateu na cabeça de Nina, que morreu na hora.

As imagens registradas pelas câmeras de segurança foram entregues à polícia. A mulher ainda não foi identificada.

O crime praticado contra a gata se enquadra no artigo 32 da lei 9.605/98 de crimes ambientais, que pune quem pratica atos de violência contra animais. A pena pode variar de três meses a um ano de detenção, além de multa.

Comente com Facebook